REGIÃO

Empresas de Toledo suspendem atividades

O quadro gravíssimo da pandemia do coronavírus em Toledo, com UTIs e enfermarias lotadas e uma fila significativa de espera por um leito ou respiradores, gerou um movimento espontâneo de empreendedores da cidade, que decidiram suspender o atendimento presencial em seus estabelecimentos.

Diante da situação, autoridades fizeram ao longo deste final de semana apelos mais enfáticos por cuidados, evitando-se a todo custo aglomerações.

A resposta começou com um vídeo reproduzido nas redes sociais pelo gestor do Deck Jow´s, Márcio Mendes, em que ele comenta, entre outros assuntos, as dificuldades financeiras de mais de um ano de pandemia e o atendimento realizado seguindo todas as normas sanitárias.

Devido a todo um contexto, ele disse que a empresa optou por suspender as atividades por tempo indeterminado, sensível diante dos apelos das autoridades e das informações sobre o esgotamento dos serviços de saúde. “Peço desculpas aos meus clientes. Peço que se cuidem, usem máscara e álcool em gel e, enfim, que se cuidem”, disse.

Após a repercussão, ampliada pelas repostagens do vídeo pelo prefeito Beto Lunitti e pelo vice-prefeito Ademar Dorfschmidt, outros empresários decidiram adotar posições semelhantes ou de restrições parciais das atividades, visando evitar aglomerações. Entre elas estão: Mist Lounge, Pastelaria Bom Pastel, Piru Drink´s, Bangalô e Grupo de Capoeira Rainha do Engenho e Academia Thalkick Kickboxing. Leia mais.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM