SAÚDE

Vacinação de crianças é aprovada por unanimidade pela Câmara do Ministério da Saúde

A Câmara Técnica de Assessoramento em Imunizações do Ministério da Saúde divulgou seu parecer sobre a vacinação de crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19. O órgão aprovou com unanimidade a utilização da vacina da Pfizer no grupo. A reunião ocorreu na última sexta-feira (17), contrariando a informação do ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, de que o encontro aconteceria apenas no dia 22.

Vacinação de crianças

Apesar da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ter aprovado a imunização infantil, é necessário que o ministério autorize a compra das doses específicas para esse grupo e libere a vacinação.

"Tendo em vista o recente parecer favorável por parte da Anvisa em relação ao pedido de autorização para aplicação da vacina desenvolvida pela fabricante Pfizer na população pediátrica entre 5 e 11 anos de idade no Brasil, a CTAI Covid-19 manifestou-se unanimemente favorável à sua incorporação na campanha nacional de vacinação, em reunião ordinária realizada no dia 17 de dezembro de 2021", diz a câmara em nota pública.

Apesar do conselho do órgão, a decisão de vacinar as crianças com o imunizante da Pfizer cabe apenas ao Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski deu um prazo de dois dias para que o cronograma de imunização das crianças seja divulgado.

 




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM