SAÚDE

Doria promete vacinar 250 mil crianças por dia em São Paulo


(Foto: Getty Images)

O estado de São Paulo já tem um plano para vacinar crianças entre 5 e 11 anos contra a Covid-19. A ideia do governador João Doria (PSDB) prevê a imunização de 250 mil crianças por dia, finalizando o processo de imunização com a primeira dose em três semanas. 

A previsão é vacinar um total de 4,5 milhões de crianças nesta faixa etária no estado.

O que falta é a chegada de vacinas da Pfizer ao Brasil. O imunizante recebeu certificação de segurança e eficácia da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) no dia 16 de dezembro, mas o governo federal, por meio do Ministério da Saúde, só pretende se pronunciar sobre o tema nesta quarta-feira (5), às 16h. 

"Toda logística e infraestrutura do governo do estado de São Paulo foi planejada ainda no final do ano passado e está preparada para começar a imunização das crianças imediatamente - desde que o Ministério da Saúde envie as vacinas para esta imunização, ou que autorize o governo do estado de São Paulo a comprarem as vacinas", pediu. 

Pelo contrato, os entes da federação não podem negociar diretamente com a Pfizer, restringindo as tratativas ao governo federal. 

Doria ainda lembrou que o estado de São Paulo aguarda um posicionamento da Anvisa sobre o uso da CoronaVac em crianças a partir dos 3 anos de idade. "Isso permitiria o inicio imediato da vacinação e uso de 12 milhões de doses em crianças de São Paulo e também de outros estados", disse o governador. 

Doria ainda criticou a demora do Ministério da Saúde em adquirir as vacinas. "Isto reflete o nível de indiferença do governo federal com referência a vida, à existência, à saúde. E nesse caso, mais revoltante por se tratarem de crianças", disse o tucano. 

 




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM