ESPORTES

Processo muda de instância e Djokovic será ouvido neste sábado
Processo foi encaminhado para o Tribunal Federal da Austrália e decisão final deverá sair no domingo


Foto: Djokovic pode ser deportado - ITF Tennis

Pouco mais de uma hora após suspender a audiência emergencial de apresentação de recurso da defesa do sérvio Novak Djokovic em razão do avançar da noite em Melbourne, o juiz do Circuito Federal Anthony Kelly transferiu o processo para o Tribunal Federal.

A decisão foi tomada após o juiz ponderar as apelações da defesa do sérvio a respeito do cancelamento do visto de permanecia do tenista no país, emitido pelo Ministro da Imigração, Alex Hawke na madrugada desta sexta-feira.

Os advogados de Djokovic afirmavam "temer pela segurança" de seu cliente e pediram uma série de habeas-corpus, para a sua não prisão pelas autoridades migratórias e nem a coleta de um novo depoimento.

Após a audiência, os advogados do tenista apresentaram suas apelações por escrito e em razão deste documento, o processo foi encaminhado para o Tribunal Federal, maior instância do judiciário australiano, onde ficará a cargo do juiz Davi O'Callaghan.

Como já estava acordado entre a defesa de Djokovic e o advogado do governo australiano, o tenista prestará depoimento neste sábado, em audiência online, marcada para às 10h15 no horário local do domingo, 20h15 (ainda desta sexta-feira) no horário oficial de Brasília.

A decisão final do processo deve ser tomada numa audiência neste domingo.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM