TECNOLOGIA

CEO da Unity é criticado após chamar devs mobile de 'idiotas pra c******'


David Fitzgerald/Web Summit

O chefão da Unity está sendo bastante criticado no Twitter depois de fazer uma declaração polêmica sobre desenvolvedores de jogos para celular. A informação é do Eurogamer.

Em entrevista ao site PocketGamer.biz, John Riccitiello falou sobre devs que não focam na monetização de seus jogos mobile, dizendo que apenas "uma pequena porção da indústria dos games" trabalha dessa forma. Segundo ele, estes devs são algumas de suas "pessoas favoritas no mundo para combater" por serem "lindas, puras e brilhantes" ao mesmo tempo em que "são idiotas pra c******".

Riccitiello, que hoje comanda a Unity e também já atuou na Electronic Arts, parece ser do time dos que acreditam que todos os desenvolvedores devem priorizar a monetização dos jogos, incluindo este aspecto no processo criativo dos projetos. Já Ben Esposito, criador do jogo Donut County, emitiu opinião contrária na rede social.

  Em publicação no Twitter, Esposito afirmou ter usado a famosa engine para criar Donut County, que em 2018 foi eleito o Jogo do Ano para iPhone. "Mas, de acordo com o CEO [da Unity], sou 'idiota pra c******' por não ter criado Hole.io", jogo gratuito com premissa bastante similar à do seu game.

Riccitiello também ficou sob os holofotes esta semana quando anunciou a compra da Ironsource, uma empresa especializada em monetizar jogos para celulares com propagandas in-app. O anúncio veio apenas duas semanas após reportagens revelarem que a Unity demitiu 263 funcionários sob a justificativa de estar reavaliando as "prioridades da companhia".





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



TECNOLOGIA  |   18/08/2022 06h03





TECNOLOGIA  |   17/08/2022 23h35


TECNOLOGIA  |   17/08/2022 15h26