GERAL

Procon multa Sanepar em R$ 5 milhões por falta d’água em Maringá neste final de semana



Nesta segunda-feira (14), a Prefeitura de Maringá emitiu nota informando que o Procon multou a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) em R$ 5 milhões pela falta d'água que afetou varias regiões de Maringá neste final de semana. 

A falta d’água na cidade ocorreu, segundo a própria Sanepar, após o rompimento de uma adutora de grande porte do Sistema Pirapó. De acordo com a empresa, aproximadamente 15 mil imóveis foram afetados e milhares de famílias ficaram sem água. 

O desabastecimento foi notado, ao menos, desde sábado (12), quando 44 bairros da cidade chegaram a ficar sem água. A empresa, no mesmo dia, começou os reparos na adutora, mas no domingo, 13, famílias ainda informavam o desabastecimento. 

Mesmo após dois dias de trabalho das equipes, cerca de 2.500 imóveis em pelo menos 10 bairros maringaenses continuavam sem água. A previsão repassada pela Sanepar era de que, até o início da tarde, os reparos seriam finalizados, restabelecendo completamente o abastecimento nesses locais. O Procon, apesar das explicações, decidiu multar o órgão estadual. 

Procurada, a Sanepar informou que vai recorrer da multa e explicou que o rompimento da adutora foi identificado na sexta-feira (11), às 23 horas. Um reparo foi feito, mas um novo rompimento, próximo ao local do primeiro, ocorreu e exigiu mais uma intervenção das equipes no sábado. 

“A operação teve um tempo de desligamento do fornecimento que compreendeu os reparos e o período de maturação. O abastecimento foi retomado ainda no domingo e normalizado ao longo de hoje [segunda-feira]”, explicou a empresa. 

Nesta terça-feira (15), a Sanepar informou que o sistema já está 100% normalizado. Caso algum imóvel enfrente o desabastecimento, é necessário contatar a empresa e registrar a falta de água pelo telefone 0800 200 0115.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM