ECONOMIA

Maringá teve o 4º melhor desempenho na geração de empregos no Paraná



Dados divulgados nesta quarta-feira, 30, pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), ligado ao Ministério da Economia mostram que Maringá teve o 4º melhor desempenho do Paraná na geração de empregos. Foram 772 vagas geradas no mês de agosto – mês do levantamento mais recente divulgado pelo governo. A frente de Maringá, os municípios com melhor desempenho no Caged em agosto foram Curitiba (3.219), Ponta Grossa (1.220) e Londrina (1.198).

Pelo terceiro mês consecutivo, o Paraná apresentou saldo positivo na criação de empregos com carteira assinada. Entre admissões e demissões, o Estado conseguiu abrir 17.061 postos de trabalho em agosto, o que representa aumento de 93% em relação a julho (com 8.833 vagas). Os setores que mais se destacaram em agosto no Paraná foram da indústria de transformação, com 6.993 empregos criados. Na sequência, destaque para o comércio (3.914), serviços (2.843), construção civil (2.678), agricultura (493) e indústrias de utilidade pública (140).

No acumulado do ano, porém, o saldo do Paraná ainda é negativo. Enquanto foram contratados 734.771 trabalhadores, outros 751.614 foram dispensados, representando um déficit de 16.843 vagas. Ainda assim, é o estado que menos perdeu postos de trabalho no Sul do País em 2020 – Santa Catarina (-22.494) e Rio Grande do Sul (-88.582). Já o desempenho paranaense mês a mês aponta: janeiro (17.932), fevereiro (28,720), março (-12.277), abril (-59.022), maio (-25.012), junho (2.447), julho (8.833) e agosto (17.061).




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM