EDUCAÇÃO

Dez colégios de Maringá e região serão cívico-militares a partir de 2021

O Núcleo Regional de Educação de Maringá confirmou que 10 dos 12 colégios de Maringá e região indicados pela Secretaria Estadual de Educação serão cívico-militares a partir de 2021. Os colégios que não aprovaram a mudança, são: Brasílio Itiberê de Maringá e Colégio Independência de Sarandi.

Foram aprovadas a mudança nas seguintes escolas:


Mudança

Com a aprovação, as escolas contarão com aulas adicionais de Português, Matemática e Civismo, possibilitando aos estudantes o aprofundamento no estudo sobre leis, Constituição Federal, papel dos três poderes, ética, respeito e cidadania.

No Ensino Médio, haverá, ainda, a adição da disciplina de Educação Financeira. Além de questões curriculares, outra mudança trazida pela nova modalidade de ensino - que será aplicada em escolas do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e no Ensino Médio - é a gestão compartilhada entre civis e militares.

O diretor-geral e o diretor auxiliar permanecem sendo civis e as aulas continuam sendo ministradas por professores da rede estadual, enquanto o diretor cívico-militar será responsável pela infraestrutura, patrimônio, finanças, segurança, disciplina e atividades cívico-militares. Haverá, também, de dois a quatro monitores militares, conforme o tamanho da escola.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



EDUCAÇÃO  |   16/05/2022 15h30





EDUCAÇÃO  |   10/05/2022 10h00


EDUCAÇÃO  |   20/04/2022 19h55