MARINGÁ

Presidente do Sivamar morre vítima do Coronavírus
Veterano do comércio maringaense, Ali Wardani era cidadão benemérito desde 2017


Foto: Divulgação/Sivamar

Morreu internado neste domingo (21/03) o empresário Ali Wardani, um dos mais antigos comerciantes de Maringá/PR, vítima da pandemia de Covid-19; com 69 anos, era o atual presidente do Sivamar (Sindicato dos Lojistas do Comércio e do Comércio Varejista de Maringá e Região).

Filho de comerciantes islâmicos, Wardani nasceu no Líbano em 1951; emigrou com a família para o Brasil dez anos depois, mas estabeleceu-se em Maringá somente em 1967. Na cidade-canção, fundou a Sociedade Beneficente Muçulmana e a mesquita Sheik Mohamed Ben Nasser Al Ubudi, além de ser proprietário de uma rede de lojas de móveis, tornando-se uma das principais lideranças entre membros do comércio local. Em sua gestão no Sivamar, criou o Sicoob Metropolitano, em parceria com a ACIM (Associação Comercial e Empresarial de Maringá); e a Câmara de Conciliação Trabalhista, em parceria com o Sincomar (Sindicato dos Comerciários de Maringá). Em 2017, recebeu como homenagem o título de Cidadão Benemérito de Maringá; seu ultimo trabalho foi coordenar a reforma das instalações do SESC local.

O prefeito Ulisses Maia (PSD) lamentou a sua morte, assim como presidente da câmara municipal Mario Hossokawa (PP), e o autor de seu título, o vereador Mário Verri (PT); a cidade de Maringá já tem 36 mil casos confirmados e 635 mortes provocadas pelo Coronavírus, de acordo com boletim da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) divulgado na sexta-feira (19/03).





COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM