MARINGÁ

Artista espalha ‘mini portas’ por Maringá e desperta a curiosidade

Quem passa pelo acesso secundário do Parque do Ingá, na Avenida São Paulo, ou pelo Shopping Maringá Park, na esquina da Avenida São Paulo com a Rua Néo Alves Martins, já se deparou com ‘mini portas’. As miniaturas, que despertam a curiosidade dos maringaenses, são do Seo Osmar.

Natural de Apucarana, Osmar Sarabia Garcia, de 70 anos, conta que teve a ideia após uma viagem do filho para os Estados Unidos. “Em uma viagem para Atlanta, meu filho encontrou uma porta feita em resina por uma artista plástica de lá. Diante disso, ele me ligou e me desafiou, pois eu faço réplicas de casas. Ele me explicou sobre o projeto e dois dias depois eu já havia criado a porta, que hoje está no Parque do Ingá”, relembra.

A primeira porta criada por Osmar é feita em madeira e possui até arandelas, um charme à parte na obra que tem chamado a atenção de todos que passam pelo Parque do Ingá. Instalada em 14 de fevereiro deste ano, a obra infelizmente foi vandalizada dias depois, mas rapidamente foi recuperada e segue encantando as pessoas.

Seo Osmar conta que houve um receio de expor as ‘mini portas’, por ficarem em locais públicos. “Acabamos nos revelando e explicando o projeto, mas o poder público já tinha comprado a ideia com muita satisfação e nos deixaram continuar”, conta.

Diante do sucesso das ‘mini portas’ nas redes sociais, ele entrou em contato com a artista plástica responsável pelo projeto “Tiny Doors Atlanta”, que inspirou as obras espalhadas por Maringá. “Nós nos reunimos de forma online com ela e conversamos cerca de 40 minutos. Ela contou que o projeto das ‘mini portas’ existe em 37 países, mas que aqui no Brasil, na América Latina, nossa iniciativa foi a primeira”, explica.

Atualmente, Maringá tem sete ‘mini portas’ espalhadas por toda a cidade. Para Seo Osmar, o que o motiva a continuar é a receptividade das pessoas e o sorriso delas quando veem as portas “As crianças tem curtido bastante as portas e isso tem nos dado uma força a mais para continuar. Não sei onde vai parar, o que vai virar, mas nós seguimos fazendo”, brinca.

Veja onde encontrar as ‘mini portas’ clicando AQUI.
 




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM